Primeiro emprego

0
136

Muitos são os jovens que desejam entrar no mercado de trabalho, seja porque precisam ajudar a família, ou para custear seus estudos ou mesmo para adquirir experiência e mais independência. É normal que se sintam inseguros, que ainda sejam um pouco imaturos, que fiquem nervosos diante de uma entrevista e até mesmo que fiquem desanimados ao finalizarem seu currículo e perceberem que não há muito a ser colocado.
Existem algumas funções nas empresas que necessariamente exigem que a pessoa já tenha alguma experiência ou conhecimento, porém existem também inúmeras oportunidades para quem não sabe nada ainda, mas tem vontade de aprender. Por isso não desanime!
O primeiro passo para sair em busca do primeiro emprego é procurar definir que funções e ramos de atividade de empresas você gostaria de exercer. Para isso, você pode visitar sites de agências de emprego, visualizar a sessão de empregos de jornais, dessa forma, poderá ter uma ideia de cargos que poderia ou não ocupar.
A partir daí, passe para o desenvolvimento do currículo e lembre-se que está atrás do seu primeiro emprego, portanto é natural que não tenha experiências profissionais para citar. Cite sua formação acadêmica e os cursos que frequentou.
Cadastre seu currículo em instituições que fazem o intermédio entre o estudante e empresas para tentar um estágio ou uma vaga de menor aprendiz. Essa é uma excelente forma de conseguir adquirir experiência.
Cadastre seu currículo no site de empresas, procure nos jornais, agências de emprego oportunidades que lhe interessem e encaminhe seu currículo. Lembre-se de apenas encaminhar para as vagas nas quais você realmente tenha interesse.
Ao ser chamado para uma entrevista, procure saber sobre a empresa, entre no site, adquira conhecimentos a respeito do local onde está indo buscar uma oportunidade. Procure refletir sobre os motivos que o levarão até a entrevista, ou seja, porque quer esse emprego e essa empresa.
Na entrevista, procure manter-se calmo, responda as questões com segurança, seja sincero. Demonstre atenção e interesse ao que está sendo dito.
E se não der certo, não desanime, lembre-se que pode demorar mais do que você gostaria, mas logo aparecerá uma oportunidade!.

Dicas para a entrevista:

Invista numa oportunidade de estágio ou Menor Aprendiz para adquirir experiência e maturidade profissional. Sabe por quê?
Atualmente muitas oportunidades de estágio e Menor Aprendiz oferecem possibilidade de efetivação;
Normalmente não se exige experiência prévia;
Para quem nunca trabalhou torna-se mais fácil concorrer a uma vaga de estágio ou Menor Aprendiz do que uma vaga de funcionário;
O contrato de estágio pode durar de seis meses a dois anos;
Há também um valor mensal pago, chamado de bolsa-auxílio, no caso do estágio.

Fonte: Diarinho

Like
Like Love Haha Wow Sad Angry

Comments

comments

NO COMMENTS

LEAVE A REPLY

cinco × três =